da educação

a minha menina, o meu anjo, a minha coisinha delicada, a minha querida, o meu amor, a minha princesa, ontem disse cu.

sim, disse “pôr uma almofada no cu”.

e eu, venho por este meio agradecer aos amigos da minha menina, aos coleguinhas da minha coisinha delicada, ao infantário do meu amor, à academia de dança da minha princesa, aos adultos que rodeiam este meu anjo, por um deles lhe ter dado essa fantástica possibilidade de descobrir a riqueza da língua portuguesa.

gostaria ainda de sugerir que para a próxima lhe ensinem um “porra” como interjeição e quem sabe numa fase mais avançada – para que ela por certo terá capacidade – entrem no domínio dos Ms, Fs e Cs.

força! ajudem-me nesta tarefa. façam-me sentir orgulhosa da  minha menina, do meu anjo, da minha coisinha delicada, da minha querida, do meu amor, da minha princesa, que ontem disse cu.

5 thoughts on “da educação

  1. os meus filhos não dizem palavras feias, nem cu, e o pai delas diz e eu digo facilmente merda, mas detesto palvras feias. Não sei se os meus filhos mais velhos dizem palavras feias noutros ambientes, no outro dia o pai ligou para o tm do João e foi um amigo que atendeu e disse f. é o teu pai.

    Eu também ficaria triste.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s